Atendimento: [14] 3402-3300

Pagamentos de dívidas ajudam o comércio, diz Acim

Libânio Victor Nunes de Oliveira animado com os créditos do FGTS no comércio varejista em geral

Diferente do que pensam alguns, de que o dinheiro recebido pelo consumidor do FGTS liberado pelo Governo Federal compete entre pagamentos de contas e “investimento” nas lojas da cidade, o presidente da Associação Comercial e Industrial (ACI) de Marília, Libânio Victor Nunes de Oliveira, disse que em ambas as formas o comércio é beneficiado. “Direta ou indiretamente o comércio acaba recebendo a maior parte dos recursos do FGTS liberado”, disse o dirigente ao lembrar que muitas vezes a dívida é com lojista. “E se não for, ajuda a economia a se movimentar de qualquer forma”, acrescentou o dirigente mariliense que conversando com alguns comerciantes associados, admitiu uma boa reação do consumidor nas lojas da cidade.

De acordo com Libânio Victor Nunes de Oliveira ao efetuar a quitação de uma dívida, no mínimo o consumidor volta a ter crédito. “Pagando uma conta o inadimplente passa a ter condições de novos créditos e outras compras”, falou. “A loja mesmo não vendendo, mas recebendo uma dívida, passa a ter um fôlego maior na gestão”, completou. “E se não for uma dívida diretamente no comércio, o recebedor passa a ter um poder de compra maior e vai para o comércio”, frisou ao repetir que direta ou indiretamente o comércio será beneficiado com este investimento do FGTS no comércio varejista. “Por isso vivemos um momento atípico e temos que aproveitar”, opinou.

Pela Medida Provisória 763/2016, que autorizou a iniciativa, tem direto a retirar o saldo das contas inativas o trabalhador que pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015. De acordo com a Caixa Econômica Federal, a medida abrange 49,6 milhões de contas, com saldo de R$ 43,6 bilhões. O governo diz que 30,2 milhões de trabalhadores serão beneficiados e estima que haverá a injeção de mais de R$ 30 bilhões na economia. Segundo Libânio Victor Nunes de Oliveira o pagamento das contas inativas será realizado a partir desta semana e vai até o dia 31 de julho. Para quem nasceu em março, abril e maio, o início do repasse será em 10 de abril. Para os aniversariantes de junho, julho e agosto, o saque será a partir de 12 de maio. Para quem nasceu em setembro, outubro e novembro, o início do pagamento está marcado para 16 de junho. Por fim, os nascidos em dezembro poderão se dirigir à Caixa para o saque dos valores a partir de 14 de julho. “Agora são beneficiados em todo o País as pessoas nascidas em janeiro e fevereiro”, destacou o dirigente.

A orientação do presidente da ACI de Marília é para que as lojas se preparem com a equipe de vendas preparadas e treinadas, respeitando as normas do Código de Defesa do Consumidor (CDC), e muito cuidado com a concessão do crédito. “É preciso mudar hábitos, e um deles é obter o máximo de informações possíveis do consumidor, para ter segurança ao ceder o crédito”, disse Libânio Victor Nunes de Oliveira ao colocar todo o sistema do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) a disposição dos comerciantes associados para mais informações cadastrais para a avaliação da cessão do crédito.

Pagamentos de dívidas ajudam o comércio, diz Acim
Avalie esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé