Atendimento: [14] 3402-3300

INSS, PIS, Contribuição Social, ISS, IPTU e Alvará, prorrogados

“José Augusto Gomes alerta para a necessidade de um planejamento na gestão da empresa urgente”.

Num trabalho em conjunto da Associação Comercial e Industrial de Marília, com a Casa do Contabilista de Marília, Sescon e Sincon, está sendo encaminhando aos comerciantes que fazem parte da associação comercial, e divulgado através das mídias sociais e a imprensa em geral, a informação de que cinco impostos e um alvará tiveram os vencimentos prorrogados, dentro do trabalho envolvendo a pandemia do Covid-19, que está obrigando as lojas do comércio varejista em geral, estarem fechadas. “Uma situação inusitada que ameniza o impacto econômico”, disse o presidente da associação comercial mariliense, Adriano Luiz Martins, ao lembrar de que prorrogação dos vencimentos não quer dizer isenção. “Deixaremos de pagar momentaneamente, para pagar futuramente”, avisou ao deixar clara a necessidade de uma revisão no planejamento financeiro da empresa.

Os impostos como: INSS, PIS, Contribuição Social, ISS e IPTU tiveram os vencimentos postergados, ou seja, serão pagos em meses futuros. “Somente o ISS retido que não foi prorrogado”, disse o superintendente da Associação Comercial e Industrial de Marília, José Augusto Gomes, ao relacionar todos os impostos que foram envolvidos nesta prorrogação de vencimentos e encaminhados aos comerciantes associados e disponibilizada a informação no portal eletrônico da entidade e nas mídias sociais que detém. “Isso é importante para dar a chance ao empresariado, rever os planos e tomar medidas menos drásticas”, comentou ao apontar o desemprego e o fechamento de empresas como os dois pontos mais delicados da chamada “quarentena”, que está afetando todos os segmentos da economia em geral. “Não existe uma empresa que não esteja com problemas e dificuldades de gestão neste momento”, disse em tom de surpresa, apesar de concordar com o presidente da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Alfredo Cotait Neto, quando disse: “O consumo de um é a renda do outro”. “Vamos superar mais essa crise, porém, vamos precisar de mais tempo e de novos comportamentos”, disse o dirigente de Marília.

O ISS variável com vencimento em Abril, passou para o mês de Julho, enquanto que o ISS fixo de Abril foi para Outubro. O Alvará de funcionamento de Março será pago em Junho, e o IPTU de Abril terá vencimento em Dezembro. O INSS patronal do mês de Março como competência, passou para Agosto e o de Abril passou para Outubro. Já o PIS e o Confins dos meses de: Março e Abril, passaram para os vencimentos em Agosto e Outubro. “Os vencimentos foram apenas prorrogados”, alertou José Augusto Gomes. “Nenhum deles foi suspenso ou haverá isenção”, apontou o superintendente ao sugerir, também, uma revisão no planejamento financeiro da empresa para que não haja dificuldade do pagamento nas novas datas. “É importante lembrar que existirão meses em que serão pagos duas vezes o mesmo imposto, de competências diferentes”, alertou.

A preocupação da diretoria da associação comercial é que por estar com as atividades empresariais obrigatoriamente paralisadas, o empresário deixe de efetuar algum pagamento e tornar-se inadimplente junto aos Governos Municipal, Estadual ou Federal. “Essa foi uma maneira que os nossos governantes encontraram de amenizar o problema”, falou José Augusto Gomes. “Não houve uma solução para problema, com a falta de dinheiro e sim uma prorrogação para pagar mais para frente o que seria para agora”, disse ao considerar pouco o esforço governamental em ajudar os empresários a superarem a crise instalada com a pandemia do Covid-19. “Se não houver um planejamento na gestão da empresa, o problema pode se tornar maior futuramente”, alertou. “No momento é o que temos para ajudar de alguma forma”, disse ao esperar novas medidas mais favoráveis ao setor varejista.

INSS, PIS, Contribuição Social, ISS, IPTU e Alvará, prorrogados
Avalie esta postagem
Siga-nos e curta-nos:

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé

Dúvidas?