Atendimento: [14] 3402-3300

ADVOGADOS – Associação Comercial cria grupo para instrução sobre gestão

Reuniões seguidas realizadas na associação comercial, chegaram na formação de um Conselho de Advogados Empreendedores.

Com o objetivo de orientar advogados a administrarem escritório jurídicos como empresa, a Associação Comercial e Industrial de Marília está criando um Conselho do Advogado Empreendedor (CAE), que se reunirá mensalmente e receberá orientação neste sentido, além de terem atividades com foco no empreendedorismo na área do Direito. “A proposta é fazer com que os escritório sejam vistos como empresas, afinal, alguns deles, inclusive, já são nossos associados”, disse o presidente da associação comercial mariliense, Adriano Luiz Martins, que passa a contar com um terceiro conselho dentro da instituição. “Esses conselho fazem parte das atividades da associação comercial de forma segmentada”, disse ao apontar o conselho do jovem e da mulher empreendedora e agora o formado por advogados.

De acordo com José Augusto Gomes, superintendente da associação comercial, o trabalho com o Conselho do Advogado Empreendedor será piloto para a diretoria da entidade no sentido de proporcionar a oportunidade para outros profissionais liberais a se organizarem neste sentido. “São muitos os escritórios médicos, odontológicos, de arquitetura, engenharia, comunicação e tantos outros, que são carentes de uma orientação sobre gestão”, ressaltou o dirigente da associação comercial que tem vários deles dentro do quadro associativo da entidade, aleatoriamente. “Eles normalmente são excelentes profissionais nas áreas que atuam, e nem sempre com a mesma performance na gestão do escritório, da agência ou do birô”, comparou ao ter relatos que confirmam esta premissa e o desejo de ter este tipo de orientação.

Com base no Programa Empreender Competitivo numa parceria com a Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), além de receberem instrução de gestão, terão a oportunidade de desenvolverem outras atividades de melhoria para a própria categoria. “A Ordem dos Advogados do Brasil não tem nenhuma objeção nesse sentido, e acredito que o conselho deve ter excelente aceitação entre os advogados empreendedores”, disse Adriano Luiz Martins que conversou com o presidente da OAB, secção de Marilia, Marlucio Bonfim Trindade, que acredita no possível interesse de alguns advogados de receberem orientação, informação e instrução de forma mais constante e específica neste sentido de administrar o escritório como empresa. “As habilidades profissionais não nos compete, e sim, a visão empreendedora do profissional quanto a performance empresarial”, falou José Augusto Gomes ao mostrar diferenciação na formação do grupo. “Independente de ser advogado, engenheiro, arquiteto, jornalista ou outro profissional liberal, o objetivo é que ele seja um empreendedor antes de tudo”, reforçou o superintendente da associação comercial.

O advogado interessado em participar do Conselho do Advogado Empreendedor pode entrar em contato com a secretaria da associação comercial, através do número telefônico: (14) 3402-3301, para mais informações sobre o conselho.

ADVOGADOS – Associação Comercial cria grupo para instrução sobre gestão
Avalie esta postagem
Siga-nos e curta-nos:

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé

Dúvidas?