Atendimento: [14] 3402-3300

Advogados se organizam na associação comercial

José Augusto Gomes, superintendente da associação comercial, fala sobre a importância da gestão financeira em escritórios

Com o objetivo de fazer com que os advogados da cidade de Marília se tornem, também, empreendedores, a Associação Comercial e Industrial de Marília criou o Conselho do Advogado Empreendedor, que terá a primeira atividade a realizar, no próximo dia 12, quarta-feira, a partir das 8h30, na sede da entidade associativa, quando as primeiras orientações e instruções de como administrar um escritório de advocacia como uma empresa, serão apresentados pelo professor Laércio Campi. “Será a primeira de uma série de atividades que o conselho organizará no sentido de mostrar uma forma mais fácil, prático e viável, de gestão dos escritórios”, comentou o presidente da associação comercial local, Adriano Luiz Martins, que acredita na presença de um bom número de profissionais do Direito com interesse em conhecer um modelo de gestão para os próprios escritórios.

De acordo com o superintendente da associação comercial, José Augusto Gomes, não é tarefa fácil cuidar da gestão de um escritório de advocacia. “A falta de uma organização financeira é uma reclamação constante entre os profissionais liberais”, disse o dirigente mariliense ao ampliar a necessidade para outras áreas como: arquitetura, engenharia, jornalismo, odontologia entre outras atividades que necessitam de um modelo de gestão próprio. Segundo o superintendente da associação comercial, detalhes como: Perder tempo com atividades repetitivas; Não ter controle sobre o que acontece no escritório; Perder dinheiro por não ter uma boa gestão financeira; Não manter a qualidade com o crescimento do escritório e Descuidar do relacionamento com o cliente, são algumas das questões que devem ser observadas pelo profissional do Direito, neste caso. “O conselho está sendo criado para oferecer este suporte de gestão”, disse José Augusto Gomes.

Para Adriano Luiz Martins um escritório de advocacia também consiste em um empreendimento que precisa de uma gestão eficiente. “Um escritório é dedicado à atividade advocatícia, e se trata de uma empresa com características específicas, que também demanda por uma primorosa administração financeira, gestão de pessoal, controle fiscal e assim por diante”, opinou o presidente da associação comercial entusiasmado com a formação do conselho. “É oportuno estar atento não apenas aos pequenos deslizes que podem ser cometidos, mas, também, aos procedimentos e tecnologias que vão otimizar a solução de problemas e potencializar a performance da equipe de advogados”, completou ao aliar a tecnologia neste sentido, com a utilização de softwares.

A participação neste encontro está aberto a qualquer interessado, de preferência aos advogados, de forma gratuita. Como forma de poder organizar melhor a recepção aos participantes, a secretaria da associação comercial deve ser informada sobre a presença do interessado, através do número telefônico: (14) 3402-3301. A entrada do auditório onde acontecerá o encontro é pela Rua Prudente de Moraes, 345. Para os que preferem confirmar presenças através do Whatsapp, o número para contato é: (14) 99702-7146. “Para receber bem, precisamos sabem quem virá”, resumiu José Augusto Gomes ao mostrar a preocupação com a recepção.

Advogados se organizam na associação comercial
5 (100%) 1 vote
Siga-nos e curta-nos:

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé

Dúvidas?