Atendimento: [14] 3402-3300

Associação Comercial chega a mais de mil itens cadastrados

“José Augusto Gomes e Adriano Luiz Martins, ambos da associação comercial de Marília, falam sobre o crescimento do e-commerce”.

O Acim Shopping Marília, a plataforma virtual de e-commerce, criado pela Associação Comercial e Industrial de Marília atingiu a marca de mil itens cadastrados em menos de uma semana em atividade pelo endereço eletrônico: marilia.dakki.com.br, em que os comerciantes mariliense passam a ter condições de comprar e vender pela internet, dentro das regras estabelecidas pelo Decreto Estadual 64.881/2020 do Governo do Estado de São Paulo, que proíbe a abertura da maioria das lojas do varejo em geral. “Isso quer dizer que a nossa ferramenta está sendo bem utilizada pelos comerciantes”, acredita Adriano Luiz Martins, presidente da associação comercial mariliense que antecipou o projeto em tempo recorde e conseguiu colocar à disposição dos empresário esta plataforma que viabiliza o comércio eletrônico de forma segura, confiável e prática. “Fomos a primeira associação comercial do Brasil e criar esta opção em tempos de pandemia”, disse com orgulhoso com o esforço da equipe de retaguarda.

Com acesso, também, pelo portal da Associação Comercial e Industrial de Marília, através do endereço eletrônico: www.acim.org.br o Acim Shopping Marília cresce diariamente em cadastramento de lojas e de produtos. “O pessoal tem aproveitado a nossa promoção de utilização gratuita, para associados, até o dia 30 de Agosto”, comentou o superintendente da entidade local, José Augusto Gomes, que considera o shopping virtual como a principal alternativa para o varejo em geral neste período de pandemia. “O comerciante pode retomar as atividades com as vendas pela internet e futuramente ter dois públicos distintos de atendimento”, disse ao acreditar na recuperação das vendas entorno de 30% com o e-commerce. “Quanto mais cedo o comerciante entrar, mas apto estará na utilização da ferramenta e na habilidade da equipe de trabalho”, defendeu.

Quem não for associado da associação comercial pode participar do shopping virtual. Ser associado não é uma obrigação, no entanto, o prazo para a utilização da ferramenta virtual é até 31 de Julho, para os que não são associados. “O importante para nós é que o varejo mariliense se reerga o mais rápido possível”, falou ao tranquilizar os empresários participantes de que o valor da mensalidade será entorno de R$ 100,00 mensais. “O objetivo é fazer com que o comerciante utilize esse canal de venda e se prepare para o novo comportamento do varejo pós pandemia”, frisou José Augusto Gomes que prepara uma ampla campanha de divulgação neste sentido, tanto para os comerciantes aderirem ao sistema eletrônico, como de consumidores a utilizarem os produtos que estejam disponíveis no portal de e-commerce da associação comercial de Marília.

Para o presidente da entidade associativa o único critério exigido para fazer parte é ser estabelecido na cidade de Marília. “Diferente de outros portais de e-commerce, o nosso, obrigatoriamente é composto somente por empresas de Marília”, explicou o dirigente ao valorizar o varejo mariliense. “Podemos vender para qualquer parte do planeta, mas somente empresas de Marília compõem o nosso shopping virtual”, explicou ao mostrar a valorização do uso da ferramenta por marilienses. “Dai a necessidade do cidadão de Marília, do consumidor de nossa cidade, prestigiar empresas do município, como forma de ajudar a reaquecer a nossa economia”, defendeu o dirigente. “É o mariliense ajudando o comércio de Marília”, falou Adriano Luiz Martins, satisfeito com a adesão dos empresários local. “Vamos crescer ainda mais em número de lojas e número de itens”, garantiu.

Associação Comercial chega a mais de mil itens cadastrados
Avalie esta postagem
Siga-nos e curta-nos:

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé

Dúvidas?