Atendimento: [14] 3402-3300

Boa Vista SCPC reúne dirigentes para alinhamento

Dirigentes de associações comerciais paulistas se reúnem para esclarecimento de contrato com a Boa Vista SCPC

Representantes das associações comerciais que fazem parte da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), na região centro oeste do interior paulista envolvendo 19 entidades associativas, estiveram reunidas na sede da Associação Comercial e Industrial (ACI) de Marília, com Deivid Campos e Vera Bressiani, da Boa Vista SCPC, que explicaram detalhes sobre a renovação do contrato entre as partes. “Foi uma oportunidade esclarecedora para que tenhamos a continuidade da prestação de serviços aos nossos associados”, disse o presidente da associação comercial local, Libânio Victor Nunes de Oliveira, atual vice presidente da Facesp na Região Administrativa (RA) de número 15. “Foi possível esclarecer e entender como será o trabalho em conjunto”, completou o dirigente regional.

De acordo com Vera Bressiani a renovação do contrato com as associações comerciais para os próximos cinco anos, tem algumas diferenças do anterior já vencido, até pelas novas práticas de acesso ao banco de dados do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) que centraliza as informações cadastrais no comércio em geral em todo o território nacional. “As associações comerciais locais abastecem o banco de dados e ao mesmo tempo, recebem outras informações importantes para o comerciante”, explicou José Augusto Gomes ao destacar que através do SCPC os dados são nacionalizados. “Essa rede faz com que a informação seja disponibilizado no sistema em todo o comércio no Brasil”, completou o dirigente que participou das discussões demoradas e a longo prazo para ser definido o documento final que está sendo apresentado aos dirigentes das associações comerciais de todo o Estado de São Paulo.

Para José Augusto Gomes a realidade das associações comerciais são distintas e o contrato será personalizado entre as partes envolvidas, com um conteúdo muito parecido. “As associações comerciais de pequeno porte vivem um situação econômica de um jeito, enquanto que as de grande porte em outra realidade”, comparou o superintendente da Acim que está próximo de completar 40 anos de participação no sistema coorporativo entre as associações comerciais. “Não foi fácil, e nem rápido, encontrar termos que se ajustem”, admitiu. “O mercado passa por transformações constantes que num curto intervalo é preciso rever conceitos e práticas”, justificou o dirigente mariliense que considera o documento final viável para as associações comerciais paulistas.

O presidente da Acim, Libânio Victor Nunes de Oliveira, reconheceu a dificuldade do acordo, porém, anunciou que a entidade de Marília assinará o contrato com a Boa Vista SCPC, por entender ser importante disponibilizar esse tipo de informação aos comerciantes associados. “A informação precisa e ampla continuam sendo a principal ferramenta contra a inadimplência”, disse ao enfatizar que as informações do banco de dados da Boa Vista SCPC continuam sendo o mais atrativo existente no mercado. “Uma parceria que vem dando certo, e que tivemos a chance de aprender juntos e hoje temos uma condição melhor para ambos os lados”, falou em tom de preocupação diante do desconhecimento de alguns representantes de associações comerciais que se mostram com dúvidas, principalmente quanto aos repasses e cobertura. “Dai a importância de encontros como este para que se possa entender, compreender e esclarecer”, reforçou o dirigente que sugere novo encontro para breve para uma conversa mais profunda entre os envolvidos.

Boa Vista SCPC reúne dirigentes para alinhamento
Avalie esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé