Atendimento: [14] 3402-3300

Cerimônia marca lançamento de programa e iniciativa

Cerimônia realizada pela diretoria marca lançamento do programa Acim Energia Limpa e apresentação da mini usina fotovoltaica

 

A diretoria da Associação Comercial e Industrial de Marília promoveu no manhã do dia 28 de Outubro, quarta-feira, o lançamento do programa “Acim Energia Limpa”, que visa estimular os empreendedores associados adotarem o uso da energia fotovoltaica (energia solar), bem como demonstrar a preocupação com o meio ambiente e criar a própria mini usina de energia, através dos raios solares. “Estamos nos beneficiando deste sistema em menos de um mês utilizando apenas 70% da capacidade de geração”, disse o presidente da entidade, Adriano Luiz Martins, que reuniu parte da diretoria, empresários, parceiros e autoridades local e regional, para o lançamento oficial do programa e apresentação da mini usina criada pela entidade, que passa a fornecer o uso da energia para toda a instituição associativa com sobra.

Durante a saudação a todos os presentes na Rua XV de Novembro, 551, onde estão instalados os 126 módulos fotovoltaicos da marca Trina com potência geradora de 50,40kWp, sendo que o sistema é composto pelo inversor REFUsol de 50 kWp com estimativa de produção de 74.496 kWh/ano, falou com entusiasmo sobre o investimento modelo para outras empresas e entidades. “Existirão 30% de sobra da capacidade de produção que vamos, naturalmente, reverter em ganho financeiro para a entidade”, explicou Adriano Luiz Martins ao dizer aos presentes de que a produção de energia limpa é uma fonte inesgotável, e principalmente pelo fato de proporcionar a redução de emissão de CO2 na atmosfera. “A usina montada pela Acim no Estacionamento Don Italiano, em poucos dias já evitou a emissão de mais de 900KG de CO2 na atmosfera”, disse ao anunciar o desejo de evitar a emissão de 360 mil toneladas de CO2 até 2035. “Se as empresas de Marília adotarem esse sistema, deixarão de gastar R$ 35 milhões com energia elétrica neste período, injetando esse valor em nossa economia de alguma forma”, falou ao lembrar que o consumidor se sente atraído por empresas com preocupação com o meio ambiente. “Esse é outro fator de marketing, que será um diferencial”, lembrou.

O secretário municipal do Desenvolvimento Econômico, Nelson Mora, parabenizou a associação comercial pela iniciativa, lembrando que a entidade sempre esteve a frente do próprio tempo. “Lembro quando a associação comercial fornecia informação com fichas em caixas de sapato e hoje é essa potência na automação”, recordou. “Esse programa é pioneiro e será um marco para nossa cidade”, defendeu ao parabenizar toda a diretoria pela iniciativa. Já o secretário municipal de Ciência e Tecnologia, Eduardo Yamamoto, elogiou o investimento e vislumbrou a oportunidade da Prefeitura Municipal utilizar programa semelhante para escolas, praças e imóveis públicos. “Sem dúvida que o caminho será nesta direção e associação comercial, mais uma vez, sai na frente”, disse.

O empresário da Teravolt, Marcelo Peluccio explicou como funciona a mini usina criada pela associação comercial, bem como lembrou que esse projeto será modelo para residências, empresas e indústrias. “A proposta é fazer com que todos tenham a consciência de economizar dinheiro e proteger a natureza”, explicou o empreendedor parceiro da associação comercial. A representante da unidade de Marília do Sicredi, Viviane Godoy também teve a oportunidade de falar sobre as linhas de crédito compactuadas com a diretoria da associação comercial, para facilitar o investimento inicial para a criação de mini usinas elétrica fotovoltaicas. “Temos uma parceria que vai simplificar o investimento de forma prática e funcional”, disse a gerente de contas do Sicredi de Marília, também parceiro neste empreendimento.

Cerimônia marca lançamento de programa e iniciativa
Avalie esta postagem
Siga-nos e curta-nos:

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé

Dúvidas?