Atendimento: [14] 3402-3300

Lojas abrem até as 22 horas para as compras aos namorados

Vendas para o Dia dos Namorados são aguardar no período da noite desta sexta-feira em Marília

As lojas do comércio de Marília abrem nesta sexta-feira, dia 09, até as 22 horas, como forma de atrair o maior número possível de consumidores para as lojas da cidade, visando as vendas para o Dia dos Namorados, celebrado sempre no dia 12 de junho, que este ano será na segunda-feira. “Uma excelente oportunidade para os lojistas que estão preparados para as vendas”, acredita o superintendente da Associação Comercial e Industrial (ACI) de Marília, José Augusto Gomes, que acredita num crescimento nas vendas de no máximo 5%, no comparativo com o ano que vem. “O momento ainda é inseguro, mas melhor que o ano passado”, comentou o dirigente mariliense.

De acordo com recente pesquisa desenvolvida Boa Vista Serviços, este Dia dos Namorados, 62% dos entrevistados irão comprar presentes. Em 2016, 56% estavam dispostos a comprar nesta data. Destes, 40% irão gastar mais que o ano passado, 38% o mesmo valor (crescimento de 10%) e 22% menos (queda de 11%). O valor médio do presente apresentou uma queda de 4% na comparação com 2016. Cenário um pouco mais positivo se comparado à queda de 17% observado no ano passado contra 2015. Para esta data, 66% dos consumidores pretendem gastar até R$ 200 (35% até R$ 100 e 31% entre R$ 101 a R$ 200).

Na opinião de José Augusto Gomes as lojas não devem perder a oportunidade, afinal, o Dia dos Namorados está entre as cinco melhores datas com apelo forte nas vendas. “O Natal é incomparável, e Dia das Mães e Pais são fortes, mas o Dia das Crianças é mais forte que o Dia dos Namorados”, enumerou o dirigente ao lembrar a preferencia dos consumidores para as promoções e desconto, assim como marca e qualidade serão a prioridade de menos de 15% dos entrevistados, de acordo com a Boa Vista SCPC. “Este ano o critério para a compra será atender ao desejo da pessoa amada”, afirmou o superintendente da ACI de Marília ao ver a pesquisa e notar que pelo menos esta é a intenção de 42% dos consumidores entrevistados.

Para este período de vendas quando questionados sobre qual presente pretendem comprar, 34% disseram que irão optar por roupas e acessórios. O que representa um crescimento de 7 pontos porcentuais em comparação ao ano anterior. Jantar romântico, ida à shows e cinema também apresentaram crescimento de 7% e ocupam a segunda posição, com 20% das menções. Perfumaria aparece em terceiro lugar com 14%. “O cartão de débito será o principal meio de pagamento, com 46% das menções”, ressaltou o dirigente de Marília ao lembrar que o dinheiro, que ocupava a primeira opção, surge em segundo lugar, com 35% das menções. Outros 35% dos consumidores irão comprar o presente e pagar de forma parcelada. 84% utilizarão o cartão de crédito – um crescimento de 18% em comparação a 2016. O uso de carnê caiu de 19% para 9%, e do boleto de 9% para 4%.

A pesquisa da Boa Vista também constatou que 38% não comprarão presentes. Destes, 52% porque estão endividados e outros 25% porque estão desempregados. Outros 21% não costumam comprar presentes na data. A pesquisa perguntou ainda o que gostariam de ganhar se pudessem escolher o presente, e, apesar da queda na quantidade de menções registrada neste ano, a maioria representada por 26% gostaria de ganhar uma viagem romântica. Celulares e smartphones ocupam a segunda posição, passando de 1% para 15%. Roupas e acessórios também registraram crescimento na comparação ao ano passado, de 2% para 12%, respectivamente.

Lojas abrem até as 22 horas para as compras aos namorados
Avalie esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé