Atendimento: [14] 3402-3300

Pagamento de impostos supera os R$ 900 bilhões, diz dirigente

Odair Aparecido Martins é o vice-presidente da associação comercial mariliense e fala sobre a arrecadação de impostos

O segundo secretário da diretoria da Associação Comercial e Industrial (ACI) de Marília, Odair Aparecido Martins, se surpreendeu com a rapidez em que o povo brasileiro chegou, quanto ao pagamento de impostos que já está na marca de R$ 950 bilhões com dez dias de antecedência no comparativo com o ano passado, e mais de quatro meses antes do que o primeiro monitoramento realizado em 2010. “Isso mostra que o problema está na gestão dos recursos e não na arrecadação”, lamentou o dirigente mariliense ao saber que a marca dos R$ 900 bilhões foi superada no dia 08 de maio. “Esse valor representa o total de impostos, multas, taxas e contribuições pagos pelos brasileiros desde o início do ano para a União, os estados e os municípios”, enfatizou o diretor da Acim que normalmente acompanha o placar eletrônico chamado de “impostômetro”, para saber o ritmo do recolhimento dos impostos.

Esse valor arrecadado nove dias antes do que em 2018 chama a atenção. “Mesmo com esse aumento de arrecadação, ainda assim projeta-se um déficit de mais de R$ 100 bilhões para 2019, o que mostra que o problema do poder público está no lado dos gastos e não da arrecadação”, reforçou o presidente da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Alfredo Cotait. “É preciso atuar sobre o dispêndio, cujo principal item é o gasto previdenciário. Portanto, é imprescindível que o Congresso se esforce para aprovar a Reforma da Previdência o mais rapidamente possível”, acrescentou o dirigente paulista que mostra preocupação com a demora e os “deslizes” do Governo Federal no debate sobre o tema que é de grande importância nacional.

Foram necessários no ano passado 153 dias de 2018 para pagar essa quantidade de impostos, de acordo com o portal do “impostômetro”, que apresenta de maneira real a quantidade de impostos pagos em todo o território nacional. “Dedicamos boa parte do ano para pagar impostos e praticamente outra metade para se sustentar”, falou o dirigente impressionado com a quantidade de dinheiro que a população paga por serviços de baixa qualidade. “São Paulo representa 37% desse total, ou seja, realmente é o Estado da Federação que mais produz”, constatou Odair Aparecido Martins ao verificar detalhes sobre os impostos recolhidos em tempo real. “A cidade de Marília já arrecadou mais de R$ 94 bilhões, enquanto que Bauru R$ 140 bilhões, Presidente Prudente R$ 93 bilhões, Araçatuba R$ 62 bilhões e por ai vai”, pontuou o dirigente de Marília ao mostrar-se preocupado com a quantidade de imposto pago em troca de serviços públicos de baixa qualidade.

Alfredo Cotait alerta para a preocupação no aumento dos impostos por parte do Governo Federal na primeira oportunidade de dificuldade financeira que passar. “Qualquer medida que resulte em elevação de tributos deve ser descartada pelo governo”, afirmou o dirigente da federação que está atento a qualquer movimentação do Governo neste sentido. “O que se espera é que, na esteira das mudanças que têm sido anunciadas em relação a esse tema, seja debatido o aprimoramento da legislação tributária, sem qualquer novo aumento da carga de impostos, que já está num nível insuportável”, enfatizou o dirigente que já esteve no Senado Federal e sabe como funciona o sistema econômico no olhar do governo.

O Impostômetro foi implantado em 2005 pela ACSP para conscientizar os brasileiros sobre a alta carga tributária e incentivá-los a cobrar os governos por serviços públicos de mais qualidade. Está localizado na sede da ACSP, na Rua Boa Vista, centro da capital paulista. Outros municípios e capitais se espelharam na iniciativa e instalaram seus painéis. No portal www.impostometro.com.br é possível diversas informações.

Pagamento de impostos supera os R$ 900 bilhões, diz dirigente
Avalie esta postagem

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé

Dúvidas?