Atendimento: [14] 3402-3300

Shopping virtual com mais de 100 mil visualizações

Adriano Luiz Martins, presidente da associação comercial, animado com o shopping virtual criado para os comerciantes

A movimentação do “Acim Shopping Marília” desenvolvido pela Associação Comercial e Industrial de Marília, já superou as 100 mil visualizações, principalmente com o movimento gerado para o Dia das Mães, no último domingo, dia 10, quando a data foi celebrada mundialmente. Segundo o presidente da instituição associativa os números são animadores no sentido de que tudo foi criado em tempo recorde em menos de três semanas. “Isso sinaliza, mais uma vez, de que o comércio eletrônico é a alternativa correta para esse período de pandemia”, disse Adriano Luiz Martins, que vem acompanhando a performance de mais de 300 empresas cadastrada no portal eletrônico genuinamente mariliense. “Somente as lojas de Marília que participam e realizam a compra e venda via internet, conforme o Decreto Estadual em vigência”, falou ao lembrar que na quarentena imposta pelo governo estadual, lojas que não são consideradas essenciais estão proibidas de funcionarem com atendimento público.

Para o presidente da associação comercial mariliense durante o primeiro mês de isolamento social devido à pandemia do Covid-19, as compras feitas por meio de aplicativos cresceram 30%, no Brasil, de acordo com levantamento do Instituto Locomotiva, divulgado recentemente. O que chamou a atenção de Adriano Luiz Martins é que a alta foi significativa em dois grupos populacionais: o de pessoas com mais de 50 anos de idade e o das classes C, D e E, que, somadas, representam mais da metade dos consumidores do país. “Isso demonstra a mudança de comportamento do consumidor que precisa ser levado em consideração por parte dos comerciantes”, destacou o dirigente mariliense ao lembrar que quase metade (49%) das pessoas abordadas pelo instituto declarou que pretende ampliar as compras por aplicativos, após o fim do isolamento social. Além disso, cerca de um terço (32%) pontuou que planeja reduzir as idas a lojas físicas. “Atrevo dizer que o comercio eletrônico não tem volta”, arrisca o presidente da associação comercial que foi o primeiro a disponibilizar o e-commerce em época de pandemia.

De acordo com o pensamento de Adriano Luiz Martins a expansão do mercado “on-line” já era prevista para antes mesmo da pandemia. Ele acredita que esse movimento demoraria mais para acontecer, não fosse o contexto do Covid-19, e avalia que as circunstâncias atuais acabaram se tornando propulsoras do fortalecimento dos aplicativos. “Foi tudo muito rápido e inesperado, mas houve tempo para que colocássemos a ferramenta em funcionamento para o Dia das Mães”, disse sem ter condições de avaliar o volume de negócios realizados neste período. “As pesquisas mostram que 55% dos entrevistados comentaram que voltarão a comprar normalmente aquilo que já consumiam”, apontou o presidente da associação comercial. O levantamento foi feito ouvindo 1.131 consumidores com idade igual ou superior a 16 anos. O questionário foi aplicado em 72 cidades de todos os estados brasileiros, nos dias 14 e 15 de abril.

COMO PARTICIPAR – Qualquer comerciante pode participar gratuitamente até Agosto (associados) ou até Julho (não associados) do Acim Shopping Marília, através do endereço eletrônico na internet: www.marilia.dakki.com.br ou pelo portal da associação comercial, através do link: www.acim.org.br. É preciso efetuar um cadastramento rápido e já colocar os produtos em exposição na vitrina virtual com as formas de pagamento. “Toda a comercialização é feita diretamente entre comerciantes e consumidores de forma eletrônica através de sistemas confiáveis de movimentação financeira”, garantiu Adriano Luiz Martins satisfeito com a boa utilização por parte dos comerciantes de Marília do shopping virtual.

Shopping virtual com mais de 100 mil visualizações
Avalie esta postagem
Siga-nos e curta-nos:

Seja um associado

Independente do porte e segmento da sua empresa, na ASSOCIAÇÃO certamente existe um benefício perfeito para vocé

Dúvidas?